Charlie Sheen alcança 1 milhão de seguidores em 25h e entra para o Guinness

Tudo começou quando o ator tornou-se @CharlieSheen; sem tuitar uma só palavra, ele foi de zero a 100 mil seguidores em menos de uma hora.

Na mídia tradicional, ter seu programa de televisão favorito tirado do ar por tempo indeterminado significa más notícias, especialmente quando são adicionadas declarações públicas sobre envolvimento com drogas. Entretanto, na web, isso significa vitória, exemplificado pela onda de sucesso causada pelo ator americano Charlie Sheen.

Após uma série de entrevistas controversas,  Charlie Sheen transportou sua vida de celebridade de tabloides para a web, quebrando recordes – e faturando com isso. Tudo começou quando o ator tornou-se @CharlieSheen; sem tuitar uma só palavra, Sheen foi de zero a 100 mil seguidores em menos de uma hora. Sua conta foi identificada e rapidamente verificada pelo Ad.ly, uma empresa que agencia celebridades através do Twitter e Facebook. Então, após 25 horas e 17 minutos, Charlie Sheen alcançou 1 milhão de seguidores, e está agora no Guinness, o livro dos recordes.

Lembra-se quando Ashton Kutcher e a CNN apostaram uma corrida para quem alcançaria primeiro o milionésimo seguidor, e quanto tempo isso durou? Os números agora dão a Sheen ainda mais chance de ultrapassar o número de seguidores de Justin Bieber no Twitter até o fim de março. Nos dois dias em que tuitou, o ator gerou hashtags como #tigerblood e #winning, a primeira em referência a sua tolerância às drogas; “tenho sangue de tigre”, em tradução livre.

E enquanto alguns anunciantes podem se assustar com essa interpretação moderna de Hunter S. Thompson (jornalista e escritor americano, famoso por falar abertamente sobre consumo de drogas) de Charlie Sheen, outros estão se digladiando por um espaço. O serviço de armazenamento de fotos do Twitter, o Twitpic, está ganhando cerca de 1.600 dólares por cada foto postada pelo ator, de acordo com cálculos da Forbes. No entanto, essa soma não passa de alguns trocados comparado à perda estimada em um quarto de bilhão de dólares que a CBS está enfrentando desde que a série Two and a Half Men foi tirada do ar.

Fica uma pergunta: Charlie Sheen se tornou uma celebridade na web, estampando camisetas, aparecendo em sites de humor, entre outros. Contudo, ainda não é certo se isso está ajudando ou prejudicando a reputação do ator. A HDC Research conduziu uma pesquisa com 748 americanos que indicou que Sheen o menos apreciado, menos favorito e menos sincero, e 85% dos pesquisados acreditam que Sheen não irá conseguir abandonar as drogas.

No entanto, não há dúvida que Sheen alavancou as mídias sociais; até o fechamento desta matéria, o perfil do ator no Twitter alcançou mais de 1 milhão e 300 mil seguidores.

(Brennon Slattery)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s